Pular para o conteúdo principal

REDINHA: SECRETÁRIO DIZ QUE INDENIZAÇÕES FORAM PAGAS A QUEM TINHA DIREITO E DE ACORDO A JUSTIÇA

 




As recentes manifestações de pessoas que estariam impedidas de trabalhar na Redinha foram alvo de críticas por parte do  secretário de Meio Ambiente e Urbanismo de Natal, Thiago Mesquita. De acordo com o titular da Semurb, as manifestações dos comerciantes têm cunho político e são fomentadas por políticos de oposição à atual gestão da Prefeitura do Natal. Segundo o secretário, as indenizações para a obra de revitalização e organização na Redinha já foram acordadas e pagas através de reuniões com a participação da Justiça.

Segundo o secretário, em acordo com a Justiça Federal e Ministério Público Federal, a Prefeitura indenizou os trabalhadores dos quiosques com valores entre R$ 50 mil e R$ 25 mil, dependendo da atividade e se eles pretendiam retornar ou não às atividades após a finalização da obra. Porém, outros comerciantes realizaram manifestações por supostamente estarem impedidos de trabalhar no local.

“A gente vê que quem está por trás são alguns parlamentares do PT que ligaram para mim, ligaram para o prefeito, que estão participando desses movimentos lá. Eu não sei até onde é o envolvimento dessas pessoas, mas estão pressionando para que a gente permita, faça um acordo lateral para que eles possam ocupar essa área, mas não podemos retroceder”, disse Thiago Mesquita.

Nas redes sociais, os dois parlamentares que fazem frente às reivindicações dos comerciantes da Redinha são a deputada federal Natália Bonavides (PT) e o vereador Daniel Valença (PT). O vereador relatou que a obra do complexo não acontece em acordo com os trabalhadores do local e cobra a permissão para que os trabalhadores atuem na orla.

Confira mais detalhes na matéria da Tribuna do Norte. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ADOLESCENTE É BALEADA COM TIRO NA CABEÇA NO MUNICÍPIO DE JUCURUTU (RN) E SEU ESTADO É GRAVISSÍMO

Uma adolescente de 17 anos foi baleada com um tiro na cabeça, no final da tarde desta quinta-feira (02), em Jucurutu. A adolescente, foi socorrida e encaminhada ao Hospital Maternidade Terezinha Lula de Queiroz, no municpio de Jucurutu. Seu estado de saúde é gravissímo. A Polícia Militar prendeu o suspeito pelo crime. Segundo informações da Polícia o homem tentou matar uma outra pessoa, conhecida por "Jó do Ouro" mas os tiros acertaram a adolescente. Adolescente estava no local acompanhada da mãe, quando o homem conhecido como  por "Flavino da Internet", chegou ao local e atirou em direção de "Jó" e acertou na cabeça da jovem.

CAICÓ: MOTOTAXISTAS SE ARTICULAM PARA REALIZAÇÃO DE PROTESTO

Segundo informações chegadas ao blog, um grupo de moto taxistas de Caicó, está se articulando para realizarem um protesto contra as novas normas para multas que vão ser aplicadas em Caicó. Segundo o que colhemos de informações, o protesto não será contra o excesso de velocidade. “Somos de acordo estabelecer um limite de velocidade. Agora o que foi dito sobre o que as câmeras de monitoramento vão filmar, que nem sacola podemos carregar?  Isso vai nos prejudicar, a maioria dos mototáxi são pais de família, que vão ser prejudicados”.  Disse um dos articuladores do movimento. Perguntamos sobre o dia e horário deste protesto, mas, fomos informados que eles ainda estão se organizando.   De Roberto Flávio

SEXO, DROGAS E MUITO AMOR. VÍDEO DE SOGRA DE PREFEITO DE CAMPINA GRANDE PROVOCA "FRISSON" NA PARAÍBA

Um vídeo onde a sogra do prefeito de Campina Grande, Soraya Brito, aparece em um motel cheirando cocaína explodiu como uma bomba na Paraíba essa manhã. Soraya Brito é a mãe de Juliana Cunha Lima, casada com o prefeito Bruno Cunha Lima (Solidariedade). Bruno Cunha Lima é sobrinho do ex-governador Cássio Cunha Lima, que foi um dos líderes nacionais do PSDB. O ex-senador vai lançar seu filho, o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB), como candidato ao governo do Estado. A gravação está sendo muito comentada nas redes sociais, e a hashtag #fofocadecampina é uma das mais citadas na região. Ninguém sabe a autoria do vídeo.