Pular para o conteúdo principal

NATAL EM NATAL COM ESPETÁCULOS, SHOWS E CINEMA

 



Grandes eventos culturais movimentam a semana do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura do Natal através de editais de incentivo, seleções públicas, emendas parlamentares municipais e recursos da Lei Djalma Maranhão.

A música, o Teatro e o Cinema pedem passagem na programação, que neste ano apresenta mais de 400 ativações culturais em todas as regiões da cidade, com destaque e preferência para os artistas e produtores do RN.

Tem Cinema na Zona Norte, espetáculo de Natal no Centro Histórico e muito mais. Confira a programação para o FDS:

SHOWS NO PALCO MIRASSOL

Até o fim do mês de dezembro, o Palco Mirassol vai receber shows musicais, espetáculos de dança, teatro e muito mais.  Na sexta-feira, dia 16, tem show de Fernando Luiz e Papel Gomes, a partir das 19h.

No sabado,  dia 17, a noite abre com Dj Samir (18h30), seguido do tradicional espetáculo de fim de ano do Ballet da Cidade do Natal “Suíte Quebra Nozes”, a partir das 20h e às 21h show de Roberto do Acordeon.


No domingo dia 19 tem o Festival Memórias, com apresentação de Dani Negro e convidados e na sequência o projeto “Faz Mais Elino Julião 2”, com Ivando Monte e convidados. No dia 20 de dezembro tem Concerto Oficial da Banda Sinfônica de Natal, a partir das 18h30. Dia 21 show de Levi Ribeiro e Juliana Santos, a partir das 19h. No dia 22 sobe ao palco Zeca Baleiro, com abertura de Yrahn Barreto a partir das 20h.

No dia 23 tem a segunda apresentação do Ballet da Cidade do Natal e ainda uma atração musical a partir das 19h.

No dia 25 de dezembro sobem ao palco Padre Caio Sanfoneiro (19h) e Juliana Linhares ao lado de Khrystal. Os shows começam às 19h. No dia 29 é a vez da Banda Ferreira Itajubá (19h) e show da Lapinha de Ponta Negra.


UM PRESENTE DE NATAL

De sexta (16) a domingo (18), no Palácio da Cultura (Centro Histórico), acontece a edição de 25 anos do tradicional e consagrado espetáculo Um Presente de Natal, com conta com incentivo da Lei Djalma Maranhão, da Prefeitura do Natal.

No elenco, 40 jovens e crianças da Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão, do Coletivo Abrace da Ong Atitude Cooperação e da Associação para o Desenvolvimento de Iniciativas de Cidadania do RN (Adic).

“Este ano a proposta foi inserir o espetáculo dentro do espetáculo. O que foi um desafio. Assim, reuni na trilha temas representativos usados em anos anteriores, mas com novas propostas, tanto no enredo, como na mixagem. Já a temática tem a ver com o sentimento que temos de que é preciso preservar momentos da vida como o fazer arte. Ao mesmo tempo, estamos vivendo uma espécie de epidemia do esquecimento, que atinge toda a sociedade com doenças que afetam diretamente a memória”, explica Danilo Guanais.

O espetáculo começa às 20h e tem direção geral de Diana Fontes e conceito musical de Danilo Guanais, direção de Arte de João Marcelino e Marcos Leonardo nos Figurinos.


CINEMA NA ZONA NORTE

Neste sábado (17), no estacionamento do ginásio Nélio Dias (Zona Norte), acontece o projeto Cine RN, que leva o cinema ao ar livre, de forma gratuita, para todos os públicos e busca democratizar os espaços numa programação plural e diversa. A partir das 16h, o projeto oferece entretenimento de qualidade, com exibição de alta tecnologia, de forma segura, agradável e única, acolhendo todos os públicos para vivenciarem juntos uma grande experiência de cinema, em quatro sessões: sessão infantil, sessão família, sessão clássico/arte e uma sessão dedicada aos filmes potiguares. O projeto tem incentivo da Prefeitura do Natal, através da Lei Djalma Maranhão e o acesso é gratuito

Do Blog do TV

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEXO, DROGAS E MUITO AMOR. VÍDEO DE SOGRA DE PREFEITO DE CAMPINA GRANDE PROVOCA "FRISSON" NA PARAÍBA

Um vídeo onde a sogra do prefeito de Campina Grande, Soraya Brito, aparece em um motel cheirando cocaína explodiu como uma bomba na Paraíba essa manhã. Soraya Brito é a mãe de Juliana Cunha Lima, casada com o prefeito Bruno Cunha Lima (Solidariedade). Bruno Cunha Lima é sobrinho do ex-governador Cássio Cunha Lima, que foi um dos líderes nacionais do PSDB. O ex-senador vai lançar seu filho, o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB), como candidato ao governo do Estado. A gravação está sendo muito comentada nas redes sociais, e a hashtag #fofocadecampina é uma das mais citadas na região. Ninguém sabe a autoria do vídeo.

JUSTIÇA ELEITORAL FISCALIZA CLINICA EM CAICÓ POR SUSPEITA DE COMPRA DE VOTOS; 11 PESSOAS FORAM CONDUZIDAS A DELEGACIA

A Justiça eleitoral realizou nesta segunda-feira(02) uma operação de fiscalização contra supostos crimes eleitorais em uma clinica médica e odontológica localizada na rua Tonheca Dantas nas proximidades da Central do Cidadão no bairro Penedo em Caicó.  Os funcionários da justiça eleitoral receberam denuncias de que a clinica estaria funcionando no domingo a noite e poderia está acontecendo favorecimento politico, mais como não conseguiram fazer a fiscalização naquele momento realizaram na manhã de segunda-feira, feriado de finados.  Ao chegar no local foi constatado a clinica em funcionamento com movimentação de pacientes e ao entrar pediram explicações e foram informados que aproveitaram o feriado para fazer moldagem para posteriormente ser realizado o orçamento do trabalho.  Os servidores da justiça solicitaram apoio da Policia Militar e conduziram até a delegacia para averiguação e prestar depoimentos três pessoas que trabalham na clinica e 8 pacientes que estavam presentes no local

CERVEJA EM FALTA...

Às vésperas das festas de fim de ano, o nível de ruptura da cerveja – índice que monitora a falta de produtos em supermercados brasileiros –, segue em alta. Em novembro, atingiu 19,45%, frente aos 10% registrados no mesmo mês de 2019.  O índice começou a subir em março, no início da quarentena. Nos últimos meses foram registrados 17,64% de ruptura, em setembro, e 18,92% em outubro.  O monitoramento acompanha os dados de 40 mil varejistas no Brasil e é feito pela Neogrid, especializada na sincronização da cadeia de suprimentos.  A falta de cervejas nas prateleiras se deve, principalmente, às dificuldades que as empresas enfrentam para comprar embalagens, como vidro para as garrafas e latas. Apesar do alto índice de ruptura, não há, por ora, risco de desabastecimento do produto.