Pular para o conteúdo principal

HACKER DA VAZA JATO PREOCUPA BOLSONARISTAS POR POTENCIAL EXPLOSIVO DE EVENTUAL DELAÇÃO SOBRE INVASÃO DO CNJ E ATAQUE ÀS URNAS

 Walter Delgatti Neto ao lado da deputada Carla Zambelli divulgada pela deputada em 2022.  — Foto: Reprodução/Twitter


 

Do G1 - Por Andrea Sadi

A prisão de Walter Delgatti Neto, na semana passada, tem assombrado o entorno de Jair Bolsonaro (PL) por um motivo específico: o hacker da Vaza Jato, como ficou conhecido, pode revelar de detalhes do roteiro golpista de ataques a urnas eletrônicas à invasão do sistema do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em janeiro deste ano.

Segundo o blog apurou, a maior preocupação é com a possibilidade de Delgatti fechar uma delação premiada.

Delgatti já revelou que estava trabalhando para Carla Zambelli e foi levado pela deputada para um encontro com Bolsonaro no Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente da República, em agosto de 2022, em meio à campanha eleitoral. Na ocasião, o núcleo bolsonarista quis saber detalhes do sistema de urnas eletrônicas.

 Desde então, o hacker não saiu do núcleo bolsonarista, e foi parar na mira da PF por outro motivo: a invasão dos sistemas do CNJ para inclusão de um falso mandado de prisão expedido pelo ministro Alexandre de Moraes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), contra si mesmo.

Como o blog mostrou, a PF ouviu Delgatti sobre o assunto após detê-lo por descumprimento de medidas judiciais a que estava sujeito por conta da Operação Spoofing, que investiga a participação dele na invasão de contas de Telegram de autoridades.

Bolsonaristas temem que o hacker envolva Carla Zambelli no episódio da invasão do CNJ.

 Respingos no ex-presidente

 Na avaliação de aliados de Bolsonaro, apesar dos esforços para afastar Zambelli, os desdobramentos da prisão de Delgatti têm forte potencial para respingar no ex-presidente. Por isso, acompanham com lupa os movimentos do hacker.

A defesa de Bolsonaro, por meio do advogado e ex-ministro Fabio Wagjarten, procurou o blog nesta semana para dizer que a campanha nunca contratou Delgatti e que o encontro no Alvorada se tratou de uma tentativa de pessoas de buscar protagonismo – referindo-se a Zambelli sem citar o nome da deputada.

blog também procurou a defesa de Delgatti, que disse que só se manifestará nos autos.

 Zambelli disse não ter conhecimento das declarações de Delgatti sobre a invasão ao CNJ e que, por isso, não poderia comentar.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ADOLESCENTE É BALEADA COM TIRO NA CABEÇA NO MUNICÍPIO DE JUCURUTU (RN) E SEU ESTADO É GRAVISSÍMO

Uma adolescente de 17 anos foi baleada com um tiro na cabeça, no final da tarde desta quinta-feira (02), em Jucurutu. A adolescente, foi socorrida e encaminhada ao Hospital Maternidade Terezinha Lula de Queiroz, no municpio de Jucurutu. Seu estado de saúde é gravissímo. A Polícia Militar prendeu o suspeito pelo crime. Segundo informações da Polícia o homem tentou matar uma outra pessoa, conhecida por "Jó do Ouro" mas os tiros acertaram a adolescente. Adolescente estava no local acompanhada da mãe, quando o homem conhecido como  por "Flavino da Internet", chegou ao local e atirou em direção de "Jó" e acertou na cabeça da jovem.

SEXO, DROGAS E MUITO AMOR. VÍDEO DE SOGRA DE PREFEITO DE CAMPINA GRANDE PROVOCA "FRISSON" NA PARAÍBA

Um vídeo onde a sogra do prefeito de Campina Grande, Soraya Brito, aparece em um motel cheirando cocaína explodiu como uma bomba na Paraíba essa manhã. Soraya Brito é a mãe de Juliana Cunha Lima, casada com o prefeito Bruno Cunha Lima (Solidariedade). Bruno Cunha Lima é sobrinho do ex-governador Cássio Cunha Lima, que foi um dos líderes nacionais do PSDB. O ex-senador vai lançar seu filho, o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB), como candidato ao governo do Estado. A gravação está sendo muito comentada nas redes sociais, e a hashtag #fofocadecampina é uma das mais citadas na região. Ninguém sabe a autoria do vídeo.

A MULHER QUE ENGRAVIDOU DE UM SABONETE EM MOSSORÓ(RN)...

Foto:Reprodução/Internet  Nos grupos de WhatsApp de Mossoró não se falam outra coisa, a não ser na mulher que engravidou ao usar um sabonete.  Uma funcionária teria relatado a esposa de seu patrão, que ficou grávida ao usar o sabonete do marido dela, ao ir a sua residência.  O assunto viralizou nas redes sociais.